15/05/2017

Suspensão de inscrição

O profissional pode requerer a suspensão da inscrição mediante a comprovação de afastamento do exercício da atividade profissional por mais de um ano.

 

ATENÇÃO!

  • É preciso estar regular com as obrigações pecuniárias perante o conselho e não estar respondendo a processo ético.
  • O profissional com inscrição suspensa fica obrigado a, anualmente, comprovar que não exerce atividade profissional. Caso não o faça, a inscrição será reativada, bem como haverá cobrança das anuidades devidas.
  • Para reativar a inscrição, o profissional deverá efetuar o pagamento da anuidade.

 

1. DOCUMENTOS NECESSÁRIOS

 

  • Carteira profissional do Coren-DF (em caso de perda ou roubo, apresentar boletim de ocorrência policial), que ficará sob a guarda do Coren-DF e será devolvida quando do retorno do profissional às atividades de enfermagem;
  • Original e cópia legível dos seguintes documentos:
    • Documentos que comprovem o afastamento do exercício profissional por mais de um ano;
    • Carteira de identidade ou outro documento com valor legal no qual conste data da emissão e o órgão emitente. No caso de apresentação de CNH, é preciso apresentar também certidão de nascimento ou casamento (com averbação, em caso de divórcio);
    • Comprovante de residência recente (no máximo seis meses), completo e comprovado (CEP, rua, número, complemento, bairro, município e estado) no nome do profissional, do cônjuge ou dos pais. Caso o profissional não possua comprovante, poderá apresentar declaração de residência.

 

2. TAXA

 

Pagamento da taxa de suspensão por meio de boleto bancário. Requerimentos protocolados entre 2 de janeiro e 31 de março ficam isentos do pagamento da anuidade do exercício.




Veja Mais